terça-feira, 4 de maio de 2021

PRÍNCIPE DIZ NA PAULISTA QUE PODERÁ SER CANDIDATO A GOVERNADOR DE SÃO PAULO

O Príncipe Luiz Felipe quer ser governador de São Paulo

 

Por: Walter Brito -Jornalista 

Embora em plena Pandemia da Covid 19 e com mais de 400 mil mortos nos 04 (quatro) cantos da Nação Brasileira, o “Primeiro de Maio” ocorrido no último sábado foi muito movimentado, quando esquerda, centro, direita, em cima do muro e terceira via se aglomeraram juntos e misturados nos botecos dos 27 Estados, vendo a Live de um lado e manifestações de vermelhos e verde-amarelo em todas as capitais e boa parte das grandes e médias cidades de um Brasil sofrido, mas de pé e com esperança de um futuro melhor pós-pandemia. 

Fala-se ainda que foi sem dúvidas uma das maiores manifestações de nossa história no Dia do Trabalhador, quando mais de 1.000 (mil) cidades participaram efetivamente do evento.

Os protagonistas do 1⁰ de maio no Brasil: Jair Bolsonaro (sem partido), Lula da Silva (PT), Fernando Henrique Cardoso (PSDB), Ciro Gomes (PDT) Guilherme Boulos (PSOL) e o povo brasileiro representado na foto da Avenida Paulista

fonte: g1.globo.com


Na Live comandada pelas Centrais Sindicais, os 03 (tês) ex-presidentes: Lula, Dilma e FHC, e ainda Ciro Gomes, Boulos e outros que defenderam a democracia e o combate aos efeitos sociais e econômicos da pandemia. Enquanto Lula atacou Bolsonaro dizendo tratar-se do governo do ódio, o pedetista Ciro Gomes, pré-candidato ao Planalto pela 3ª (terceira) via, disse que estamos vivendo o pior momento de nossa história. Como sempre, no muro, FHC fugiu do jogo da política e partiu para o campo econômico, deixando claro que é a favor da reabertura da economia, o que confronta com seu correligionário do PSDB, o Governador João Dória, apelidado pelo empresariado paulista e paulistano, como o Rei do Lockdown! 

Na região do grande Macunaíma, Bolsonaro avaliou que o povo de verde e amarelo nas ruas indica mais uma vitória em 2022


Lá do Triângulo Mineiro, região berço do protagonista de Macunaíma, o saudoso Grande Otelo, eis que em seu camarote verde e amarelo, na cidade de Uberaba, participando da abertura oficial da 86ªExpuZebu, o Presidente da República Jair Bolsonaro na manhã de 1º de maio respondeu estrategicamente aos seus oponentes da live sob o comando dos sindicalistas: “ Este momento é importantíssimo, pois afinal de contas, quando no passado recente, neste mesmo 1º de maio, o que nós víamos em nosso país eram camisetas e bandeiras vermelhas tremulando, como se fôssemos uma nação socialista

Esta questão hoje mudou e bastante”, disse Bolsonaro, em alusão à maioria de camisetas e bandeiras verde e amarelas no país afora, cujo ponto alto se seu na Avenida Paulista em São Paulo, cidade carro-chefe da América Latina. 

PRÍNCIPE LUIZ FELIPE COMENDO PELAS BEIRADAS NA PAULISTA 


Cheguei cedo à Avenida Paulista e por voltas do meio dia, de cara um carro de som a todo vapor pedindo a abertura da economia e uma enorme quantidade de pessoas com camisetas e faixas escritas “Fora Dória”, fechamento do Congresso e do Supremo e outra faixa em destaque bem de frente à FIESP escrita com letras garrafais: “Presidente Bolsonaro eu te autorizo – nos livre dos comunistas”. Nos grupos mais animados, a grande expectativa era a chegada da deputada federal Carla Zambelli do PSL e o presidente do PTB Nacional, Roberto Jeffersson para seus pronunciamentos. Eis que, comendo pelas beiradas, aparece o Deputado Federal pelo PSL de São Paulo, o Príncipe Luiz Felipe de Orléans e Bragança, pisando de mansinho e vestido discretamente com uma camisa polo verde-musgo e máscara amarelo-canário com um desenho verde no tom da camisa. 

O Deputado Castello Branco trabalha para aprovar o projeto Educação 5.0 na ALESP


O Príncipe me reconheceu de pronto, quando o entrevistei no meio da multidão que o cercava. Eu lhe fiz uma pergunta no bate - pronto quando expliquei ao Deputado Federal que o Deputado Estadual Castello Branco (PSL-SP), referência da Educação 5.0 no país, teria gravado um vídeo que repercutiu em todo estado de São Paulo nos últimos dias, afirmando o seguinte: “ No Dia do Trabalhador, o trabalho!” Pedi que o deputado falasse sobre o assunto. 

Sem tergiversar e com a elegância que lhe é peculiar, o Deputado Federal argumentou: “ Eu sou um admirador do Deputado Castello Branco, que no primeiro mandato, ele tornou-se um símbolo do trabalho na ALESP. Nós precisamos de mudar os rumos do trabalho em São Paulo. 

O que vejo é o Governador Dória contra a livre iniciativa, fechando portas, impedindo a sobrevivência do empresariado, principalmente do micro e pequeno empreendedor, certamente prejudicando de forma efetiva mais de 80% dos trabalhadores. 

São Paulo voltando a trabalhar, obviamente vamos ajudar a resgatar a economia do Brasil”. Disse o descendente da Monarquia Brasileira. 

Ao final pedi que o Deputado falasse sobre sua pré-candidatura ao Governo de São Paulo em 2022. 

Como sempre e sem pestanejar, o parlamentar, que é autor do livro: Por que o Brasil é um país atrasado, respondeu com o olhar atento de dezenas de fãs à sua volta na Avenida Paulista: 

Se os partidos aliados permitirem, certamente serei uma opção para governar São Paulo. Temos que pontuar aqui uma boa gestão. Não somente no sentido de gerir bem o estado, mas no sentido de deixar a população trabalhar. Temos 02 (dois)problemas graves: a pandemia e a recessão econômica. Existem países lidando muito bem e contornando o problema da pandemia enquanto a economia avança. Por isso temos que olhar para o mundo e aplicar aqui o que está sendo feito com sucesso lá fora”, argumentou o Príncipe Luiz Felipe de Orléans e Bragança. 

Ao observarmos a Política Brasileira e seus equívocos ocorridos ao longo da história, percebemos que faz-se necessário escolhermos pessoas qualificadas para gerir o país, especialmente administrar um estado como São Paulo, o principal estado brasileiro, que é o carro-chefe de um país cheio de contrastes e de dimensões continentais como o nosso. 

Aqui existem diversos brasis que precisam de pessoas preparadas e ao que tudo indica o descendente dos imperadores Dom Pedro l e Dom Pedro ll e trineto da Princesa Isabel se preparou para a hora certa. 

Formado em administração de empresas, o Governadorável Luiz Felipe concluiu em 1993 um mestrado em Ciências políticas na Universidade Stanford nos Estados Unidos e, em seguida, especializou-se em administração, com um MBA, no Institut européen d’administration des affaires, na França. Ele iniciou sua trajetória profissional nos Estados Unidos, onde trabalhou em empresas do mercado financeiro. 

Depois de ter passado por diversas empresas como executivo no exterior, Luiz Felipe se estabeleceu como empresário desde 2005 no Brasil e se elegeu Deputado Federal em 2018 pelo PSL com 118.457 votos. 



Na disputa com ele estarão políticos tradicionais como o próprio Governador João Dória (PSDB), que disputará a reeleição, além de Fernando Haddad (PT), Guilherme Boulos (PSOL), Geraldo Alckimin (PSDB), Paulo Skaf (MDB) e o ex-Ministro da Educação Abraham Weintraub (PDT). Esperamos que o melhor para São Paulo se estabeleça e vença o pleito para o Palácio dos Bandeirantes

Nenhum comentário:

Postar um comentário