domingo, 18 de março de 2018

O MUNDO CULTURAL E A NEGRITUDE PODEM OPTAR POR COUTINHO NO SENADO!

Coutinho tem a cara do Rio de Janeiro


POR: WALTER BRITO

Na eleição que se aproxima e será protagonizada por outsiders Brasil afora, no Rio de Janeiro não será diferente. Neste sentido é importante ressaltar que os políticos tradicionais já tiveram o seu apogeu e o momento é daqueles que têm alguma história interessante, passado limpo e demonstram ter vontade de fazer alguma coisa pelo país, independentemente de idade, cor da pele, sexo, entre outros; desde que tenham voz ativa a favor dos menos favorecidos e engajamento em algum setor importante da sociedade.
O ator Jorge Coutinho é o nome que faltava no cenário político carioca. Ao regressar do exílio na Argentina em 1968, ele chocou a opinião pública brasileira, por meio da novela Passo dos Ventos, de autoria da consagrada Janete Clair, ao dar o primeiro beijo entre um negro e uma branca, mostrando com todas as letras ao país o tamanho do preconceito racial, que ainda hoje persiste nos quatros cantos da nação brasileira. Basta observarmos que aqueles que derramaram o sangue pela construção do nosso país não participam efetivamente de sua administração, com raríssimas exceções, como ocorreu no momento único em que Joaquim Barbosa presidiu a Suprema Corte.

Jorge Coutinho terá o apoio de Milton Gonçalves e do mundo cultural.

Pré-candidato ao Senado da República pelo MDB do Rio de Janeiro, Jorge Coutinho certamente será um outsider que do mundo da cultura oriundo da negritude brasileira que clama por representantes no Congresso Nacional, que só tem Paulo Paim entre os 81 senadores da República. O presidente do Sindicato dos Artistas do Rio de Janeiro- SATED, aos 83 anos bem vividos e com muita história pra contar, disse o seguinte para a reportagem do jornal Diário da Manhã: “Serei com muito orgulho representante da cultura e da negritude no Senado Federal, caso eu consiga me eleger no mês de outubro. A roubalheira e os fichas-sujas tomaram conta de nosso país e temos que lutar no sentido de reverter tudo de ruim que foi feito em desfavor da cultura brasileira que está acéfala. Ao mesmo tempo, vamos dar dignidade e representatividade aos 54% dos afrodescendentes, que ajudam a levar o nosso país nas costas e nos falta representatividade. Chegou a hora da mudança e da limpeza, e isto será feito de forma forte no estado que mais sofreu com a corrupção, que é o Rio de Janeiro. Em minha pré-candidatura ao Senado da República, quero contar com o apoio do mundo cultural do estado mais charmoso do país, que é o Rio, que sofre com a corrupção e a falta de gestão. Quero contar também com o apoio dos afrodescendentes e da população sensível às questões sociais no Rio de Janeiro, bem como daqueles que lutam contra o preconceito em todos os setores”, disse Jorge Coutinho, defensor inconteste do povo menos favorecido.
Acreditamos que Jorge Coutinho, por meio de sua história de lutas, conquistas e vitórias, conseguirá sensibilizar o povo aguerrido do Rio de Janeiro e construir uma candidatura sólida, com base na verdade, na sinceridade e na coragem de mudar do povo carioca. Eleito desde 2004 para a presidência do Sindicato dos Artistas do Rio de Janeiro, Coutinho é presidente nacional do MDB Afro e conselheiro de Comunicação Social do Congresso Nacional. O ator Jorge Coutinho tem tudo para crescer nas pesquisas e ajudar o povo do Rio de Janeiro a ter orgulho de suas raízes, fincadas em 1° de março de 1565 por Estácio de Sá.

A primeira-dama do teatro, do cinema e da TV, Ruth de Souza; certamente levará grandes apoios para Coutinho rumo ao Senado!


5 comentários:

  1. JORGE COUTINHO ME REPRESENTA! Acredito, de verdade, que ele tenha a solução para muitos dos problemas que enfrentamos hoje, em nosso difícil, inseguro e corrido dia a dia neste Brasil. Eu o apoio na qualidade de mulher, trabalhadora, mãe, arrimo de família e indigeno-descendente. Conheço e acompanho a estória deste ser humano sensacional que é Jorge Coutinho e digo que ele, enquanto Senador, poderá e fará muito por todos nós brasileiros.

    ResponderExcluir
  2. JORGE COUTINHO ME REPRESENTA! Acredito, de verdade, que ele tenha a solução para muitos dos problemas que enfrentamos hoje, em nosso difícil, inseguro e corrido dia a dia neste Brasil. Eu o apoio na qualidade de mulher, trabalhadora, mãe, arrimo de família e indigeno-descendente. Conheço e acompanho a estória deste ser humano sensacional que é Jorge Coutinho e digo que ele, enquanto Senador, poderá e fará muito por todos nós brasileiros.

    ResponderExcluir
  3. Eu apoio sem medo, porque como artista que sou conheço a luta diária do Jorge através dos projetos e da gestão transparente com que rege a presidência do sindicato dos artistas. O Rio de Janeiro ainda tem jeito, desde que o povo abram os olhos e exerçam seus direitos nas urnas elegendo quem realmente trabalha.

    ResponderExcluir