terça-feira, 5 de maio de 2015

O Gigante voltou! Vasco bate o Botafogo de novo e é campeão do Carioca

Rafael Silva brilha mais uma vez; Artilheiro, Gilberto garante mais um triunfo: festa da torcida vascaína no Maracanã

O DIA
Rio - O Gigante voltou! O Vasco é campeão do Campeonato Carioca. Um título especial na galeria do Cruzmaltino. É o fim de um jejum incômodo - a última conquista havia sido em 2003. O torcedor vascaíno está com a alma lavada. O time está no topo do Rio. O talismã Rafael Silva mostrou estrela mais uma vez. O artilheiro Gilberto sacramentou a vitória por 2 a 1 sobre o Botafogo, neste domingo, no Maracanã. O título é do Vasco. Pela 23ª vez, o Gigante da Colina levanta o troféu do Estadual.
Rafael Silva mostrou estrela na decisão e marcou de novo para o Vasco
Foto:  Ernesto Carriço
As polêmicas e o campeonato das notas oficiais ficaram de lado. O futebol, finalmente, foi o protagonista do Carioca. O Maracanã lotado ajudou a reviver os tempos gloriosos do Estadual e dar charme e o devido valor ao torneio. O desfecho é o grito de "é campeão" do Vasco.
Doriva apostou no herói do primeiro jogo da final e promoveu Rafael Silva a titular na vaga de Marcinho. Mesmo com a vantagem, o Vasco não deixou de ter um time ofensivo. A surpresa do técnico René Simões foi Luis Ricardo no meio de campo. Fernandes perdeu lugar. A final começou com um duelo de mosaicos. A torcida vascaína provocou: "O Maraca é nosso desde 1950." Pelo lado do Botafogo, a seguinte frase: "Seremos campeões."
O jogo
A final começou com o mesmo roteiro do primeiro jogo, com uma blitz do Botafogo. Martín Silva apareceu para salvar o Vasco. Luis Ricardo lançou Bill nas costas da zaga, mas o atacante foi abafado pelo goleiro rival. O ritmo diminuiu. Os cartões amarelos surgiram. Em questão de minutos, Serginho, Julio dos Santos e Willian Arão foram punidos.
Vasco foi campeão do Carioca pela 23ª vez
Foto:  André Mourão
A primeira chance de perigo do Vasco foi com bola parada, especialidade do time. Em jogada ensaiada, Rodrigo cobrou para entrada da área, Dagoberto, de primeira, quase achou Luan na pequena área. O zagueiro não alcançou, mas o lance assustou o Botafogo. Depois, Christiano surgiu na área e viu Renan sair para evitar o gol. A bola explodiu no goleiro e foi para fora.
O Botafogo teve de fazer a primeira substituição no primeiro tempo, aos 27 minutos. Willian Arão levou uma pancada no quadril, em lance com o goleiro Renan, e deu lugar a Fernandes. O Alvinegro voltou a assustar. Pimpão arriscou de fora da área, a bola desviou e obrigou Martín Silva a mandar a escanteio. Em contra-ataque, o Vasco respondeu com Madson. Ele desceu pela direita e chutou com força, para fora.
O talismã do Vasco apareceu. O Botafogo se enrolou na saída de bola no setor defensivo, em erro de Marcelo Mattos. O Gigante da Colina recuperou a posse. Guiñazu lançou Rafael Silva. O atacante ajeitou o corpo e emendou de primeira: 1 a 0 Vasco, aos 44 minutos do primeiro tempo. O título ficou ainda mais perto de São Januário.
O Botafogo voltou para o segundo tempo com Diego Jardel no lugar de Tomas. O Alvinegro tomou a iniciativa e tentou pressionar o rival. Faltava acertar a finalização. Quando o chute foi no alvo, Martín Silva apareceu. Foi assim em falta cobrada por Carleto. O goleiro se esticou todo e espalmou para fora. René fez a última mudança. Sassá entrou na vaga de Luis Ricardo.
Doriva fez a primeira alteração. Bernardo substituiu Dagoberto. O Vasco quase ampliou. Gilberto chutou da entrada da área e obrigou Renan a mandar a escanteio. Depois, Marcinho entrou na vaga do herói Rafael Silva. O Botafogo conseguiu empatar. Diego Jardel recebeu dentro da área e tocou na saída de Martín Silva: 1 a 1. A torcida se empolgou, mas o time não correspondeu. A situação ficou ainda pior com a expulsão de Fernandes. O Vasco aproveitou e ampliou o placar. Gilberto, um dos destaques do time na campanha, dominou e bateu para fazer 2 a 1. O Gigante voltou! E é campeão!
FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 1X2 VASCO
Estádio : Maracanã
Público : 66.156 presentes / 58.446 pagantes / R$ 3.286.580,00
Árbitro : Wagner do Nascimento Magalhães
Gols : Rafael Silva (Vasco, aos 44' do 1ºT), Diego Jardel (Botafogo, aos 29' do 2ºT) e Gilberto (Vasco, aos 47' do 2ºT)
Cartão amarelo : Serginho, Julio dos Santos, Christiano, Dagoberto e Rodrigo (Vasco) e Willian Arão, Gilberto, Marcelo Mattos, Fernandes, Renan Fonseca, Diego Giaretta e Diego Jardel (Botafogo)
Cartão vermelho : Fernandes (Botafogo)
BOTAFOGO : Renan; Gilberto, Diego Giaretta, Renan Fonseca e Thiago Carleto; Marcelo Mattos, Willian Arão (Fernandes, aos 27' do 1ºT), Luis Ricardo (Sassá, aos 15' do 2ºT) e Tomas Bastos (Diego Jardel, no intervalo); Rodrigo Pimpão e Bill; Técnico: René Simões.
VASCO : Martín Silva; Madson, Luan, Rodrigo e Christiano; Guiñazu, Serginho e Julio dos Santos (Lucas, aos 40' do 2ºT); Rafael Silva (Marcinho, aos 26' do 2ºT), Dagoberto (Bernardo, aos 22' do 2ºT) e Gilberto; Técnico: Doriva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário