quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Os três mais votados para a Câmara Federal



Alberto Fraga (DEM) 7,6%; Rafael Barbosa (PT) 4,3% e Joaquim Roriz Neto (PMN) 3,9%

Por: Walter Brito

O instituto Directa/O Parlamento identificou que os três candidatos a deputado federal mais votados para o dia 05 de outubro, domingo próximo, são: Alberto Fraga (DEM) com 7,6%. Em segundo lugar, o ex-secretário de saúde, Rafael Barbosa (PT) com 4,3% e Joaquim Roriz Neto (PMN) em terceiro, com 3,9%. A pesquisa registrada do TRE-DF com o número DF-00064/2014, cuja margem de erro é de 3,1% para mais ou para menos e 95% de confiabilidade. A pesquisa foi feita entre os dias 24 e 28 de setembro e ouviu 1000 eleitores nas seguintes localidades do DF: Águas Claras; Asa Sul; Asa Norte; Brazlândia; Ceilândia Norte e Sul; Cruzeiro Novo e Velho; Fercal; Guará I e II; Gama; Itápoã;Jardim Botânico; Núcleo Bandeirante e Candangolândia; Lago Sul; Lago Norte; Planaltina (Vale do Amanhecer); Paranoá; Park Way; Recanto das Emas; Riacho Fundo I e II; Samambaia; Santa Maria; São Sebastião; Sobradinho I e II; Sol Nascente (eleitores de Brasília); Sudoeste/Octagonal; Taguatinga Norte; Taguatinga Sul e Vicente Pires.

Lembramos que o Instituto Directa/O Parlamento, foi o único que acertou a eleição de 2010, quando o Ibope, Data Folha, Vox Populi e o falecido Soma, davam como certa a vitória de Agnelo Queiroz no primeiro turno. O instituto acertou o percentual da Dona Weslian e do Agnelo, tanto no primeiro, quanto no segundo turno. Além de acertar a eleição majoritária para o governo, o Directa acertou com precisão os percentuais dos senadores, Rodrigo Rollemberg (PSB) e Cristovam Buarque (PDT), bem como a maioria dos deputados federais e distritais.

Alberto Fraga assumiu o primeiro lugar nas pesquisas, depois do impedimento pela justiça, da deputada Jaqueline Roriz (PMN). Ela foi por diversos meses, a líder absoluta das pesquisas para a Câmara Federal. Na eleição de 2010, Fraga obteve mais de 500 mil votos para o Senado. O seu discurso forte, baseado na segurança pública, é sem dúvidas o carro-chefe de sua campanha. Por outro lado, o médico Rafael Barbosa, fez muito nos quase quatro anos do governo Agnelo Queiroz, em prol da saúde no Distrito Federal. Além de modernizar o sistema de saúde em Brasília, no período de Rafael como gestor, a área teve avanços enormes, se comparados aos secretários que já passaram por aquela pasta. Foram implantadas seis Unidades de pronto Atendimento – UPA, nas cidades do Distrito Federal. Vale lembrar, que mais duas estão em construção, e o total planejado por Rafael, são 14 UPAs em todo o Distrito Federal. No que se refere às Clínicas da Família, nove unidades foram construídas, dentre elas, quatro somente na cidade de Samambaia. De acordo com as informações do próprio Rafael Barbosa, o Distrito Federal é a unidade da Federação que mais capta órgãos para transplantes no país: “Resgatei o transplante de rim e o de coração. Hoje o DF é quem mais faz transplante de rim no Brasil, como também de coração e fígado. Há quatro anos, não tínhamos nada disso. O que está acontecendo agora é que estamos recebendo pacientes de São Paulo, do Rio, e de todo o país. Todo mundo quer vir fazer transplante em Brasília. Não sou eu quem está dizendo, são as estatísticas e os especialistas em números de todo o país que dizem. Acabou o discurso do passado que dizia: “O melhor hospital de Brasília é a ponte aérea!”, arrematou Rafael. Acreditamos que a campanha forte e bem organizada que Rafael está fazendo, indica o seu crescimento constante nas pesquisas; o que poderá deixá-lo ao final bem próximo ao primeiro colocado, Alberto Fraga.

A pontuação expressiva do terceiro colocado, Joaquim Roriz Neto, não é nenhuma surpresa para o povo brasiliense. A sua mãe, a deputada Jaqueline Roriz, antes de deixar a campanha, tinha 6,2% de intenção de votos, quando foi impedida e substituída pelo seu filho. Há dois meses, Roriz Neto acompanha sua mãe na busca de votos pela periferia de Brasília. A partir do momento, em que foi definida a candidatura do filho de Jaqueline Roriz, o ex-governador Joaquim Roriz entrou na briga para eleger o neto. Como o político de maior prestígio em todo o Distrito Federal, o ex-governador está conseguindo transferir votos para seu herdeiro político. Avô e neto estão nas fotos juntos na Internet, jornais, revistas e panfletos. Por diversas vezes os dois foram vistos juntos, cumprimentando eleitores nas periferias de Brasília. Mesmo com diabetes e dependente de uma cirurgia renal, o ex-governador Roriz, conhecido como velho guerreiro da política candanga, luta com todas as forças que ainda tem, para ver o seu neto, deputado federal.

Joaquim Roriz Neto tem 22 anos, é formado em Ciências Políticas na Universidade de Nova York, nos Estados Unidos. Ele mora com a mãe no Park Way em Brasília. Além de um dos mais votados deputados federais de Brasília, Joaquim Roriz poderá ser o mais jovem deputado federal do Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário